Presidente Flausininho recebe demanda da Associação de Fibromiálgicos e Portadores de Doenças Crônicas

por adm publicado 15/04/2019 12h37, última modificação 15/04/2019 12h37

O presidente da Câmara Municipal, Flausininho (MDB) recebeu na manhã desta segunda-feira, 15, a visita de Noelma Helena Pagotto e Cristine Camargo Elias, representantes da Associação Nacional de Fibromiálgicos e Portadores de Doenças Crônicas (Anfibro). Elas apresentaram ao presidente a minuta de um projeto de lei para criação do Dia Municipal de Conscientização da Fibromialgia, a ser comemorado no dia 12 de maio e ainda que os portadores de fibromialgia sejam incluídos nas filas de atendimento preferencial já destinadas aos idosos, gestantes e pessoas com deficiência, bem como a permissão para que estacionem nas vagas preferenciais destinadas a idosos, gestantes e pessoas com deficiência.

Flausininho comprometeu com as representantes da Anfibro a estudar a elaboração do projeto de lei, compatível com a legislação municipal, estadual e nacional e apresentar a propositura no Legislativo para apreciação dos vereadores. Sensível às necessidades dos fibromiálgicos, ele manifestou solidariedade e defendeu que a doença seja discutida na sociedade, através de palestras e debates, bem como reconheceu que se trata de uma doença crônica e que as demandas da associação são justas e vai trabalhar pela aprovação do projeto na Câmara.

Sobre a doença

A Fibromialgia é uma das doenças reumatológicas mais frequentes. É caracterizada por dor muscular generalizada no corpo acompanhada de sintomas de fadiga, e alterações de sono, memória e humor. Os sintomas podem começar após um trauma físico, uma cirurgia, uma infecção ou uma tensão psicológica significativa. Em outros casos, os sintomas se acumulam gradualmente ao longo do tempo sem que se consiga determinar os fatos geradores. As mulheres são cerca de 10 vezes mais propensas a desenvolver a Fibromialgia do que os homens. Manifesta-se em qualquer idade, mas inicia principalmente entre os 25 e os 50 anos.