Incentivo à prática de compostagem de resíduos orgânicos é proposta do vereador Professor Amauri

por adm publicado 09/08/2019 09h21, última modificação 09/08/2019 09h21

Através do projeto de lei nº 41/2019, o vereador Professor Amauri (PROS) quer incentivar a prática de compostagem de resíduos orgânicos domésticos em domicílios, instituições públicas e privadas e condomínios residenciais, com a criação do Composta Itumbiara.

A proposta do vereador é promover o associativismo, fomentar a agricultura alimentar e difundir o conceito dos 3R (reduzir, reutilizar e reciclar) na cadeia dos resíduos sólidos. Assim, os resíduos seriam transformados em adubos orgânicos, reduzindo a quantidade de material destinado ao aterro e criando um modelo sustentável para a destinação das sobras de alimentos.

O projeto prevê a difusão da informação e ensino das técnicas de compostagem nas escolas e instituições públicas e privadas, inclusive nas feiras livres, visando aproveitamento integral dos alimentos e estimulando a educação ambiental. Para Amauri, além de reduzir a quantidade de resíduos, o programa permitirá produção de adubo para destinação na agricultura orgânica, plantio de árvores e criação de uma cultura ambiental sustentável.